Mostrando postagens com marcador netflix. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador netflix. Mostrar todas as postagens

Ninguém quer [ser] um Saul Goodman

sábado, 6 de outubro de 2018 Nenhum comentário
James Morgan McGill, intimamente chamado de Jimmy McGill, é um advogado em exercício na cidade de Albuquerque no estado de Novo México.

Jimmy, harmoniza a atividade profissional com o cuidado pelo irmão mais velho Chuck, que sofre de uma  doença psicossomática, uma hipersensibilidade eletromagnética que o impede de estar e permanecer na presença ou proximidade de equipamentos eletrodomésticos, aparelhos eletrônicos, luz solar... tornando-o prisioneiro em sua própria casa.

A série tem o nome de "Better Call Saul" (é melhor ligar para o Saul!) e conta como Jimmy se tornou Saul Goodman. Este segundo nome da personagem, trata-se de um jogo de palavras que significa "'S'all good, man!" (está tudo certo, cara! - basicamente, é a resposta para quando um delituoso o contata).

A história é um preludio da série "Breaking Bad" e começa mostrando o estado atual de Saul, após o termino de Breaking Bad - quem assistiu Breaking Bad, sabe como e qual foi o desfecho de Saul.

Certo é que, o que transformou Jimmy em "o degenerado Saul", foram as fraudes, obviamente dolosamente intencionadas quais cometeu com convicção.

Num dado momento, Jimmy passa a se relacionar com uma mulher incrível - ouso concluir que ela é "a coisa mais bonita da vida dele" -, Kim Wexler, advogada. 


Por sua vez, a senhorita Wexler é completamente o oposto de Jimmy - sou assumidamente descrente do pensamento que "opostos se atraem".

Kim, se desdobra e cria braços para todas a vezes que fora necessário ser a defesa de Jimmy, em processos judiciais. Renuncia atividades do dia, sem nem mesmo medir as tuas importâncias, para ir ao encontro de Jimmy quando o mesmo está com qualquer dificuldade, até mesmo emocional.

Contudo, Jimmy nunca reconhece todo o esforço da parceira, pelo seu bem-estar. Sempre é pouco e mostra esse pensamento toda vez que a cobra mais e mais, sem mesmo agradecê-la pelos feitos.

Pode ser que os opostos se atraem, mas não permanecem juntos. Vacilões não conseguem permanecer em relacionamento de qualquer natureza com pessoas integras, pois estas não se dobram às suas corrupções.

Jimmy se corrompeu pelo caminho da vida. Aparentemente, até na alma.

Como profissional fraudulento, as coisas começam a desandar.

[Parece spoiler, mas nota-se de cara, sem muito esforço pelos olhos do espectador:]
Em "Breaking Bad", continuação de "Better Call Saul", Kim não aparece. Concluamos o desfecho...

Nunca vou assumi-lo como Saul Goodman. A diferença é que os fraudes sob a pele de Jimmy, eram mais leves. 

Ao Jimmy, destino parte de minha pena.

Cowspiracy: O Segredo da Sustentabilidade

sexta-feira, 11 de novembro de 2016 2 comentários
A provedora global de filmes e séries de televisão Netflix, tem conquistado aproximadamente 70 milhões de corações pelo mundo (haha, corações?).
Não é por acaso que vem ganhando bastante visibilidade, pois oferece conteúdos para todos os gostos: documentários, filmes, animações e series de todos os gêneros.

O que mais prende a minha atenção, são os documentários (algumas séries e jogos de futebol americano também). Aproximadamente 70% dos minutos que vejo, são documentários. Gosto, porque penso que enriquece o conhecimento e a visão social sobre que acontece pelo mundo e pela mente alheia.

Decidi que indicarei um filme/doc. por semana pra você. E hoje, venho vos indicar um, dos que já assisti e claramente, gostei.

Cowspiracy: O Segredo da Sustentabilidade

 clique na foto e vá ao site oficial!

Este filme é resultado do trabalho significativo do cineasta Kip Andersen após perceber que as ONGs ambientalistas não se importam realmente com a dolorosa destruição do planeta.

Embora não pareça (pois isso não chega, ou chega com uma informação deficiente até o consumidor final), a pecuária causa impactos violentos sobre a natureza. A agropecuária, na verdade, é o maior problema ambiental e é o que está acabando com o nosso planeta.

Parte desse documentário se passa no Brasil. e cita também alguns percursores do assunto que foram mortos por empresários da agropecuária, por saírem por ai, dizendo que esse ramo de negocio era o que estava deteriorando o meio ambiente.

Kip, também reforça a importância da dieta vegana hoje, em relação ao assunto (mas lembre, você é livre pra fazer o que tua alma sente paz) e como isso contribuiria para a restauração da Terra.

Não deixe de assistir se você é protetor da vida ambiental. Ah, não te esqueça de voltar e me dizer o que pensa sobre o filme!
 
Desenvolvido por Michelly Melo | Ilustração por heypik.com